Clique no PLAY para leitura automática do texto:

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Ver para crer - Conspirações

VER PARA CRER - Conspirações

CASO ROSWELL

Em julho de 1947, em meio a fortes tempestades, um estranho objeto caiu em um rancho perto de Roswell, no Novo México (EUA). Ufólogos afirmam que vários alienígenas teriam sido encontrados no local e levados para o hospital da cidade. Lá, médicos e cientistas teriam feito a autópsia de um deles, como mostra a foto acima, extraída do documentário The Santilli Alien Autopsy Film. Tempos depois, analistas descobriram que o filme tratava-se de uma fraude. De qualquer forma, ufólogos continuam afirmando que houve, sim, uma visita alienígena, e que este é um dos mais bem guardados segredos do Estado americano.



SANTO SUDÁRIO

O lençol de linho com o qual José de Arimatéia teria coberto o corpo de Jesus Cristo quando o tirou da cruz é conservado até hoje na catedral de Turim, na Itália. Apesar de testes com carbono 14 terem questionado a veracidade do sudário, há cientistas que não aceitam a tese. E mais: eles acham que é possível clonar Jesus Cristo a partir de vestígios de DNA deixados no pano.



MOAIS

A Ilha de Páscoa é conhecida por abrigar mais de mil estátuas gigantes de pedra - os moais. Esculpidos no século 8, eles podem chegar a 21 metros de altura e simbolizam os chefes das grandes tribos que povoaram a ilha. As estátuas têm uma característica em comum: todas foram construídas de costas para o mar. Dizem os nativos que os moais foram feitos para oferecer proteção à ilha por meio de uma "energia" emitida de seus olhos. Mas como esses imensos blocos de pedra, que pesam dezenas de toneladas, foram deslocados pela ilha? A explicação dos nativos é espetacular: os antepassados teriam usado a levitação para movê-los. Ufólogos do mundo inteiro juram que os alienígenas podem ter dado uma mãozinha.



SINAIS

O planeta está cheio de marcas estranhas. Quem botou a boca no trombone e alardeou esses sinais para o mundo foi o suíço Erich von Danikem, em seu livro Eram os Deuses Astronautas?, lançado pela primeira vez em 1968. Danikem viajou pelo mundo inteiro para provar que, no passado, fomos visitados por extraterrestres. Quem leu, certamente, ficou com a pulga atrás da orelha. Bom exemplo é a foto ao lado: como explicar esses misteriosos anéis que apareceram em Winchester, na Inglaterra?



MONSTRO DO LAGO NESS

Nessie, apelido carinhoso do temido Monstro do Lago Ness, fez sua primeira aparição em público para os vikings. Há lendas do folclore celta que contam sobre cavalos de água vistos no lago. Foi o suficiente para, ao longo dos séculos, várias pessoas contarem ter visto um animal gigante nas águas do lago escocês. Algumas delas, como o druida da foto ao lado, faturam o dinheiro de turistas com a história. O mais recente truque de Nessie seria provocar ondas subaquáticas, devidamente registradas pela rede de televisão americana ABC, em 2000. Pesquisadores, porém, afirmam que se trata de um peixe grande, uma espécie de esturjão báltico que gosta de fazer peripécias.



TUTANKAMON
"A morte abaterá com suas asas quem perturbar o sono do faraó." Esta frase teria sido encontrada no dia 22 de novembro de 1922, quando a equipe do arqueólogo inglês Howard Carter decifrou os hieróglifos do portal do mausoléu do faraó Tutankamon, morto em 1346 a.C.. Coincidência ou não, sete anos depois, 13 membros da equipe do cientista teriam morrido de forma inexplicável. Outras nove pessoas que tiveram contato com a múmia de Tutankamon também morreram em circunstâncias estranhas. Segundo pesquisadores da Universidade Monash, de Melbourne, na Austrália, essa maldição não passa de um mito espalhado pela mídia da época, uma vez que a maioria dos cientistas que estiveram presentes no momento da abertura do sarcófago viveu muitos e muitos anos - vendendo saúde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário