Clique no PLAY para leitura automática do texto:

terça-feira, 7 de junho de 2016

O tetris é um problemão - Clássico Russo


O tetris é um problemão - Clássico Russo


O prosaico quebra-cabeça digital, cujo objetivo é encaixar peças geométricas que caem do alto da tela, já vendeu mais de 60 milhões e hoje é considerado um dos jogos mais populares do mundo.


O Tetris, o prosaico quebra-cabeça digital cujo objetivo é encaixar peças geométricas que caem do alto da tela, já vendeu mais de 60 milhões de cópias e tornou-se um dos mais populares games do mundo. 

Tamanho sucesso tem uma explicação científica: apesar de parecer simples, o problema contido no Tetris é um dos mais difíceis da matemática.


Tema de Som Original

Um estudo do professor Erik Demaine, do Instituto de Tecnologia de Massachusets (MIT), nos Estados Unidos, mostrou que o jogo pertence a uma classe de problemas chamados NP-completo. Isso significa que não há como estabelecer um modelo de equação que possa ser aplicado para sua solução. Por isso, para um novo problema (cada pecinha que cai) é preciso uma resposta distinta. “Não há fórmulas ou truques que possam ser aprendidos”, diz Demaine. Mesmo que você jogue mil vezes, todas as partidas repetirão o mesmo grau de dificuldade. 


Talvez por isso ele seja tão viciante. Outro game que apresenta o mesmo tipo de problema é o Campo Minado. Assim, da próxima vez que você perder nesses jogos, conforte-se com o fato de que nenhum computador do mundo é capaz de fazer muito melhor.





Nenhum comentário:

Postar um comentário