Clique no PLAY para leitura automática do texto:

quinta-feira, 29 de maio de 2014

China diz que veículo de exploração lunar funciona, mas enfraquecido


China diz que veículo de exploração lunar funciona, mas enfraquecido

Veículo teleguiado 'Coelho de Jade' (em cima) e módulo de pouso da sonda Chang'e-3 (embaixo) tiram fotos mútuas na superfície da Lua.  (Foto: AFP Photo/CCTV)

China lançou seu primeiro veículo de exploração lunar em 1º de dezembro. 
Rodas e painéis solares projetados para aquecê-lo não funcionam mais.

O veículo lunar chinês chamado Yutu, ou Coelho de Jade, está ligado e funcional, disse a mídia estatal da China nesta quarta-feira (28), mas problemas técnicos e as noites extemamente frias na lua têm "enfraquecido consideravelmente" sua capacidade operacional.

O Yutu, nomeado em homenagem a uma tradicional deusa da lua na mitologia chinesa, pousou na superfície lunar em dezembro, causando grande comoção nacional. O veículo, que começou a apresentar "anormalidades de controle mecânico" no fim de janeiro, está em missão para conduzir pesquisas geológicas e busca de recursos naturais.
O veículo lunar ainda é capaz de enviar dados de volta à Terra, usando para isso a sonda Chang'e 3 com a qual pousou, disse o vice-chefe do programa lunar chinês, segundo a agência de notícias oficial Xinhua.

Mas as rodas do veículo e o painel solar projetado para aquecê-lo durante as congelantes noites lunares já não funcionam mais, disse Li. A funcionalidade do equipamento decai progressivamente "a cada noite lunar", disse Li.
A China tem avançado em seu programa espacial com propósitos militares, comerciais e científicos, mas ainda corre atrás para alcançar as potências espaciais, os Estados Unidos e a Rússia.



C=310.055


Ascensão e queda de uma utopia verde - Biosfera 2

ASCENSÃO E QUEDA DE UMA UTOPIA VERDE - Biosfera 2


Em 1991, oito pessoas e 3 800 espécies de plantas e animais foram trancados dentro de uma redoma de 12 600 metros quadrados, no Arizona, Estados Unidos. Objetivo: criar o modelo de uma colônia humana auto-suficiente, capaz de sobreviver em outros planetas. Deu tudo errado. Foi um vexame. Agora, refeitos, os cientistas definiram um programa diferente. Vai começar de novo.

Houston, temos um problema aqui - Apolo 13


HOUSTON, TEMOS UM PROBLEMA AQUI - Apolo 13


Há vinte e cinco anos, essa frase marcou um dos mais dramáticos momentos da história da exploração espacial. Ela vinha da nave Apolo 13, avariada próxima à Lua, com três astronautas a bordo. A mensagem era endereçada ao centro de operações da Nasa, em Houston, nos Estados Unidos. Foi o início da heróica missão de trazer a nave de volta a Terra. A história é contada agora no filme Apollo 13, que estréia este mês com Tom Hanks no papel principal.

quarta-feira, 28 de maio de 2014

O perigo é uma carga pesada - Estradas Brasileiras

O PERIGO É UMA CARGA PESADA - Estradas Brasileiras


Erros de governos passados, falhas humanas, pistas ruins, caminhões de muitas toneladas. Entenda por que as estradas brasileiras são cenários de tragédias diárias.

O dia D das Tartarugas - Biologia


O DIA D DAS TARTARUGAS - Biologia


Como as tropas aliadas, que há 50 anos invadiram as praias da França para derrotar os nazistas e dar um fim à Segunda Guerra Mundial, milhares de tartarugas olivares tomam de assalto quatro praias do mundo (três na América e uma na Índia). Elas estão retornando ao local onde nasceram dez anos antes. É a misteriosa arribada.

Genocídio Instantâneo - 50 anos de Bomba Atômica

GENOCÍDIO INSTANTÂNEO - 50 Anos de Bomba Atômica


O monumento de granito marca o lugar da primeira explosão nuclear produzida pelo homem. Foi às 5h29min45s do dia 16 de julho de 1945, em Alamogordo, Estados Unidos. Ele representa um grande feito científico, mas também é o simbolo de uma vergonha: o uso do conhecimento para construir uma superarma que, menos de um mês depois, dizimou a população civil das cidades deHiroshima  e Nagasaki, no Japão.

No encalço dos microassassinos - Supervírus


NO ENCALÇO DOS MICROASSASSINOS - Supervírus


Meio astronautas, meio detetives, os cientistas perseguem o mistério dos vírus emergentes. O do Ebola já está quase resolvido e a vacina, teoricamente, já é possível. Agora,falta pegar o resto da quadrilha. 

Júpiter um ano depois do cometa - Astronomia


JÚPITER UM ANO DEPOIS DO COMETA - Astronomia


Em maio, astrônomos do mundo todo se reuniram na cidade americana de Baltimore para comparar o que viram e mediram durante o choque do Shoemaker-Levy 9 contra o planeta gigante, em julho de 1994. Trocaram informações e interpretações. Agora, finalmente, há um entendimento comum sobre o que aconteceu em cada etapa da colisão. Mas algumas dúvidas ainda persistem. 

Clima, o que a ciência sabe (e o que a ciência não sabe) - Meio Ambiente

CLIMA, O QUE A CIÊNCIA SABE (E O QUE A CIÊNCIA NÃO SABE) - Meio Ambiente


O equilíbrio do clima pode ser abalado pela ação humana? Se pode, quanto? Nesse caso, o que fazer? Saiba por que os estudiosos ainda não chegaram a um acordo.

Nhá - História do Arraiá - Festa Junina


NHÁ-HISTÓRIA DO ARRAIÁ - Festa Junina


Antes de Cristo já havia festa de São João... com outro nome. Eram as fogueiras que saudavam a chegada do verão Europeu. Até  que, no século VI, o catolicismo associou essas celebrações  pagãs ao aniversário de São João. No  século XIII, os portugueses passaram a  comemorar também as noites de São Pedro e Santo Antonio. No Brasil, as festas são populares desde 1583.

O "Árabe" que escrevia números - 100 anos de Malda


O "ÁRABE" QUE ESCREVIA NÚMEROS - 100 anos de Malda Tahan


Há um século, nascia Júlio César Mello e Souza, o homem que inventou e encarnou o "árabe" Malba Tahan. Com esse pseudônimo, ele foi o maior divulgador da Matemática no Brasil, escreveu cerca de 120 livros e formulou propostas ainda hoje consideradas modernas para o ensino. 

terça-feira, 27 de maio de 2014

Deu branco no Coral - Ecologia

DEU BRANCO NO CORAL - Ecologia


Os corais estão ficando descorados. Habitantes das águas quentes dos trópicos, eles são as vítimas mais visíveis do Efeito Estufa. A ONU vem estudando o fenômeno e agora o Brasil mergulha nessa pesquisa.

Na era da Bionáutica - Cirurgia


NA ERA DA BIONÁUTICA - Cirurgia


Olhos, braços e cérebros eletrônicos fazem do médico um bionavegante, que viaja pelo corpo humano em busca de caminhos mais certeiros e menos traumáticos para as cirurgias.

sexta-feira, 23 de maio de 2014

Clara Água, Cara Água


CLARA ÁGUA, CARA ÁGUA - Meio Ambiente


Três quartos da superfície do globo são oceanos. Daí que, vista de longe, a Terra é pura Água. Mas não é água pura. Esta é cada vez mais rara, e 30% dos 5,5 bilhões de habitantes do planeta já sofrem com a escassez. Você verá uma radiografia dessa escassez e entenderá por que, nos próximos anos, a conta de água da humanidade não será mais tão barata.

Nosso Ancestral ? Esse Micróbio ? - Evolução

NOSSO ANCESTRAL? ESSE MICRÓBIO? - Evolução


Um pesquisador francês muda os rumos da discussão sobre a identidade do primeiro ser vivo da Terra, o micróbio fundamental. A hipótese predominante dizia que ele era amigo das altíssimas temperaturas. Agora, o professor Paul Forterre diz que não, o bicho não era tão quente assim.

As novas estrelas da comunicação - Estrelas


AS NOVAS ESTRELAS DA COMUNICAÇÃO - Satélites


Você está num barco no meio do Oceano Pacífico. Ou a pé no Saara, com areia por todos os lados. Não importa. Dentro de pouco tempo, ninguém mais vai ficar isolado da civilização. Porque todo mundo estará ao alcance de um celular ou de um micro, esteja onde estiver. As maiores empresas de comunicação do mundo prometem: dentro de dois anos, começarão a circundar o planeta mais de 1 000 novos satélites, transmitindo sinais de telefone, fax, TV e ligando computadores. Hoje, estão em órbita apenas 150.

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Por que as mulheres tem pavor de barata - Psicologia

POR QUE AS MULHERES TÊM PAVOR DE BARATA - Psicologia


É uma cena familiar: o rapaz ouve gritos desesperados na cozinha e parte como um príncipe valente para defender a donzela. Chegando lá, descobre que o assustador intruso não passa de um inseto. Repugnante, vá lá, mas que não traz maiores perigos. Então, o que (ou quem) é capaz de explicar tamanho medo feminino?

Ignobel: a Ciência ri da Ciência - Bom Humor

IGNOBEL: A CIÊNCIA RI DA CIÊNCIA - Bom Humor


Temido por muitos pesquisadores do mundo inteiro, o IgNobel é o Prêmio Nobel às avessas. Seus ganhadores são pessoas ou institutos que gastaram tempo e dinheiro produzindo trabalhos inúteis, engraçados ou definitivamente absurdos.

Arte primitiva mesmo - Arqueologia

ARTE PRIMITIVA MESMO - Arqueologia


Magníficas pinturas de 20 000 anos de idade, encontradas na caverna de Chauvet, no sul da França, em dezembro passado, estão deixando os arqueólogos e antropólogos em estado de graça. É a maior descoberta de pintura rupestre dos últimos 50 anos. As imagens têm a elegância das melhores obras, de qualquer época. 

Dor nas costas - Saúde


DOR NAS COSTAS - Saúde


Olha, não tem muito jeito. Ninguém tem a coluna retinha. As vértebras não conseguem ficar no lugar a vida inteira. Depois dos 30, então, teimam em desviar pra valer. Mas calma. Coluna um pouco torta não causa, necessariamente, as temidas dores nas costas. Só 5% delas são causadas pelas vértebras. A maioria tem origem muscular. Umas e outras, porém, são herança de um antigo atrevimento da humanidade. Quem mandou querer  andar sobre duas patas?

Alô, Alô, Câmbio - Economês Traduzido

ALÔ, ALÔ, CÂMBIO - Economês Traduzido



Antes um assunto obscuro de especialistas, o câmbio virou centro das atenções desde que governos inventaram de estabilizar suas economias com base nele. Agora, você tem que saber como funciona o câmbio para dormir tranqüilo. Ou para entender por que muita gente anda perdendo o sono.

segunda-feira, 12 de maio de 2014

Metanol o veneno sob nova suspeita - Saúde Pública


METANOL O VENENO SOB NOVA SUSPEITA - Saúde Pública


Num achado surpreendente, uma geneticista da Universidade de São Paulo mostra que o combustível alternativo, usado desde 1990 nos veículos a álcool, pode estar causando mutações genéticas. 

A revolução das pizzas - Tecnologia


A REVOLUÇÃO DAS PIZZAS - Tecnologia


Uma miniantena parabólica, pouco maior que uma pizza tamanho família, está chacoalhando o mercado de TV por assinatura nos Estados Unidos. Ela oferece até 175 canais diferentes, com imagem e som de altíssima qualidade. A novidade deve aterrissar no Brasil ainda este ano. A parabólica deu em pizza. E melhorou.

O navegante que sequestrou do Rio - História


O NAVEGANTE QUE SEQUESTROU O RIO - História


Em 1711, um ousado corsário francês, René Duguay-Trouin, praticou o primeiro seqüestro do Rio de Janeiro. Em grande estilo. Capturou a cidade inteira e exigiu um alto resgate.

Macho, mas por pouco tempo - Natureza

MACHO, MAS POR POUCO TEMPO - Natureza


Um peixe-palhaço, do gênero Amphiprion, é macho, mas só por tempo limitado. Sua missão natural é crescer - ele mede oito centímetros - e virar fêmea. Dez por cento das espécies de peixes trocam de sexo uma vez na vida. Passam de macho a fêmea ou vice-versa, em um processo que leva algumas semanas para se completar. A inversão ocorre quando a proporção entre os dois sexos sofre algum desequilíbrio. Com ela, a espécie se defende. Aumentam as chances de ocorrer encontros reprodutivos bem sucedidos.

SOL: Uma viagem para o inferno - Astrofísica


SOL: UMA VIAGEM PARA O INFERNO - Astrofísica


A estrela mais próxima da Terra não é ainda totalmente conhecida. E precisa ser porque da energia que ele emite depende o controle das naves e estações orbitais que voam nesse espaço. Este ano, uma frota de sondas sobe ao céu para tentar diminuir nossa ignorância

Vitaminas - você tem que tomar - Saúde


VITAMINAS VOCÊ TEM QUE TOMAR - Saúde


Quem não toma pode estar perdendo - pela falta de alimentos vitaminados no mercado brasileiro, 
pela prática de esportes, pela poluição das cidades, pelo fumo, pelo álcool. Trinta 
por cento dos brasileiros de classes média e alta têm algum tipo de carência vitamínica

Radiação, Calor, Movimento - Geologia


RADIAÇÃO, CALOR, MOVIMENTO - Geologia


Mais uma vez, a ciência é pega de surpresa. Não previu o abalo que destruiu a cidade de Kobe, no Japão e deixou milhares de mortos. Veja o que os pesquisadores sabem sobre a origem dos  grandes tremores  e o que eles estão fazendo para tentar diminuir os estragos e o número de mortes.

Por que o livro é caro no Brasil - Cultura


POR QUE O LIVRO É CARO NO BRASIL - Cultura


Não é novidade para ninguém. Nos Estados Unidos e na Europa, um livro sai bem mais barato que no Brasil. Vamos só lembrar um dos muitos exemplos. Na França, um dos volumes com as aventuras de Asterix (vendidos em livrarias, não em bancas) sai pelo equivalente a R$ 8,95. Aqui, custa R$ 17,00. A capa, o tamanho, o número de páginas, os quadrinhos, tudo é idêntico. Só o que muda é o idioma que vem dentro dos balões. Claro: os custos da tradução não explicam o aumento.

quinta-feira, 8 de maio de 2014

Uma questão de inteligência - Idéias


UMA QUESTÃO DE INTELIGÊNCIA - Idéias


Um livro escandaloso usa argumentos pretensamente científicos para defender o preconceito racial.

Os negros são menos inteligentes do que os brancos? Sim, dizem  Charles Murray e Richard Herrnstein no livro A Curva Normal. Para os dois, a inteligência, além de ser mais generosa com os brancos, é maior entre os mais ricos e não muda de lado de jeito nenhum, nem se o Estado descarregar montanhas de dinheiro em educação. Claro, tão logo apareceu, o livro foi chamado de racista e nazista por todos os lados. Talvez ele não seja tão maligno, mas uma leitura mais atenta mostra que está longe de ser científico. Escondidas atrás de pilhas de números e estatísticas, estão as posições políticas, contra a assistência social aos mais necessitados. E se há uma grande ameaça para a ciência, é a tentativa de usá-la para encobrir fins políticos.

sexta-feira, 2 de maio de 2014

16 DOCUMENTÁRIOS INDICADOS - MAIO DE 2014


16 DOCUMENTÁRIOS INDICADOS - MAIO DE 2014



Documentário / diversos
Cor: Colorido
Classificação: Programa livre
As palavras que você está lendo são formadas por uma das mais antigas invenções, o alfabeto. Desde seu surgimento, diversos avanços permitiram ao homem utilizar a linguagem escrita e falada para se comunicar.