Clique no PLAY para leitura automática do texto:

terça-feira, 2 de agosto de 2016

Hubble consegue fotografar a fronteira final do Universo


Hubble consegue fotografar a fronteira final do Universo


Eugene Roddenberry, roteirista e produtor de Star Trek, ficaria orgulhoso em saber que chegamos à fronteira final do nosso Universo.


Exatamente 50 anos após a estreia da série “Star Trek”, o telescópio espacial Hubble conseguiu captar imagens distorcidas de Abell S1063, um acúmulo de galáxia que está a 4 bilhões de anos luz da Terra e que possui 100 trilhões de massas solares entre suas 450 galáxias, nebulosas e estrelas. 

Embora Albert Einstein já tenha previsto o fenômeno das distorções na sua Teoria da Relatividade, só foi possível observá-lo agora, com as fotografias tiradas pelo Hubble. O telescópio chegou a registrar a famosa “fronteira final”, mencionada na famosa série de TV “Star Trek”. São imagens das galáxias diferenciadas entre si e não somente em grupo.

A descoberta é absolutamente surpreendente, já que permite ver como eram essas galáxias há 1 bilhão de anos, após o Big Bang. Além disso, graças às imagens, a NASA afirmou que será possível analisar ainda mais a fundo o entendimento da matéria escura. 

Veja no vídeo as imagens e saiba como é nossa fronteira (em inglês): 



Fonte: RT



Nenhum comentário:

Postar um comentário