Clique no PLAY para leitura automática do texto:

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

NASA detecta um imenso “buraco negro” no Sol


NASA detecta um imenso “buraco negro” no Sol


O Solar Dynamics Observatory, da NASA, detectou uma espécie de buraco coronal gigante no Sol.


A agência, no entanto, explicou que esse fenômeno não é exatamente um buraco, embora seja percebido dessa forma nas imagens capturadas. Na verdade, o fenômeno é gerado por áreas abertas do campo magnético do Sol através das quais são expelidas ao espaço correntes de vento solar que se movimentam em alta velocidade.

Sol - Estrela - Fica no centro do sistema solar


Normalmente, essas áreas se formam após um longo período de grande atividade solar. Sua dimensão é variável, podendo chegar a ocupar um quarto da superfície da estrela. Desta vez, considerando o tamanho do “buraco”, a NASA descreveu o fenômeno como “substancial”.

Espera-se que, nos próximos dias, as partículas solares desprendidas comecem a chegar à Terra. Ao interagirem com a magnetosfera terrestre, elas podem provocar auroras polares intensas.

O Sol - é o corpo celeste que mais influencia as nossas vidas


A chegada das correntes solares pode interferir no funcionamento dos satélites e causar falhas nos serviços prestados por esses equipamentos. No entanto, a atmosfera do planeta protege seus habitantes da maior parte das partículas espaciais. Por isso, o fenômeno não traz riscos para os seres humanos.

Fonte: BBC...


Pôr do Sol - Sunset




Nenhum comentário:

Postar um comentário