Clique no PLAY para leitura automática do texto:

sexta-feira, 16 de agosto de 2013

Museu dos EUA reúne exposição com 'obras toscas'


Museu dos EUA reúne exposição com 'obras toscas'

À direita a obra 'Mana Lisa' exposta no museu e à esquerda a obra Hollywood Lips (Foto: Reprodução/Museum of Bad Art)

Local em Boston abriga obras de 'artistas anônimos'.
Segundo os donos, quanto pior a obra, melhor.

Um museu de Boston, nos Estados Unidos, tem um conceito de arte "diferente" - reúne apenas obras de artistas anônimos. O museu de "Bad Art" diz que só aceita trabalhos sinceros e originais de pessoas comuns, "que queriam comunicar algo para o espectador".

O museu é encarado como o lar de centenas de obras de arte que deram errado - mas que agora são vistos por milhares de visitantes. A exposição do saguão, por conta do grande sucesso, recebe diariamente centenas de inscrições de "artistas" por mês que querem compartilhar suas obras, mas apenas as piores são penduradas nas paredes da galeria.

Entre as mais novas peças da coleção, é possível encontrar desde um homem nu coçando sua axila, uma Mona Lisa transexual e uma pintura feita a óleo de um peixe morto.
De acordo com o jornal "Daily News", o negociante de antiguidades Scott Wilson fundou o museu com seu amigo Jerry Reilly depois de encontrar uma peça de arte em uma lata de lixo, chamada de "Lucy in the Field with Flowers" e perceber que era "tão ruim que se transformava em algo bom".

A dupla gostou da ideia e também começou a recolher "trabalhos auxiliares de arte" que nunca iriam ser colocados em uma galeria tradicional. Várias pessoas se interessaram pela ideia e os dois começaram a expor as "obras toscas" em um espaço doado.
Louise Reilly Sacco, diretor-executivo do museu, disse: "Somos a primeira instituição a coletar, exibir e celebrar estas obras que de outra forma nunca teriam recebido o reconhecimento que merecem. Fazemos isso de forma respeitosa com os artistas".


C=247.352


Nenhum comentário:

Postar um comentário