Clique no PLAY para leitura automática do texto:

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Site brasileiro agiliza a nobre arte de montar seu próprio PC


Site brasileiro agiliza a nobre arte de montar seu próprio PC


Eu sou do tempo em que homens eram homens e montavam seus próprios computadores. Não homens de verdade como Alan Turing e o pessoal do Colossus, ou Seymour Cray, que durante a apresentação de seu primeiro supercomputador programou a sequência de boot, de cabeça em um painel de contatos. Sim, puxando fio.


Mesmo assim sempre tive como questão de honra montar meus próprios PCs, ao menos até a a Microsoft me dar de presente um Surface Studio, o que é bem improvável de acontecer.


PC e seu gabinete com muitos dispositivos


A parte chata é que tem toda uma trabalheira de estudar compatibilidade entre os componentes. Algumas placas-mãe são excelentes mas inexplicavelmente não aceitam mais de 8 GB de RAM. Outras tem tudo mas a interface SATA é 3 ao invés de 6. Outras só trazem dois slots de memória, para placas de 32 GB que não existem em lugar nenhum.

O CraftMyBox é uma solução para isso. São 843 componentes cadastrados, entre memórias, CPUs, placas de vídeo, etc. Com o site você customiza um PC, optando por filtros de preço, capacidade, fabricante, tudo.


Lista de peças


O site lista somente peças disponíveis no Brasil, por enquanto no Kabum, Balão da Informática, Hardstore, MegaMamute, Terabyte e Pichau, com direito a histórico de preços das peças, valor por boleto, etc.

Uma característica bem legal é que, além do preço durante a montagem ele vai mostrando o consumo estimado da configuração. Na listagem de fontes as com potência insuficiente sequer são listadas, mas se você desabilitar o filtro, ele irá reclamar:


CraftMyBox


Você, claro, não é obrigado a comprar mas lojas indicadas, pode usar o site apenas como referência. O importante é que o serviço é enxutinho, funciona, cumpre o que se propõe. Eu diria que é uma mão na roda.

A parte ruim é que meu PC ideal custa mais de R$ 10 mil e não acho que o bônus de Natal vá bancar isso.


Para acessar: clique aqui.


Histórico de preço das peças:


Nenhum comentário:

Postar um comentário